Indaiatuba não é Praia

Câmara abre inscrições para concurso público

Serão 31 vagas disponíveis e prova será realizada pela Vunesp

Por meio de edital publicado na Imprensa Oficial do Município de ontem, dia 8, a Câmara Municipal torna público abertura, a partir de 18 de dezembro, de inscrições para Concurso Público para o provimento de 31 cargos. A medida atende artigo do Projeto de Lei Complementar 05/2017, de autoria da Mesa da Câmara, aprovado em agosto deste ano, que dispõe sobre a reestruturação administrativa do Legislativo local. Atende ainda solicitação do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCE-SP), que após auditorias fez uma série de recomendações, sob pena da rejeição das contas.
O concurso público será responsabilidade da Fundação para o Vestibular da Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” (Vunesp) e destina-se ao provimento dos cargos vagos existentes e dos que vierem a ocorrer no prazo de validade deste certame, com a supervisão da Comissão de Concurso instituída por meio da Portaria 51/2017, publicada na Imprensa Oficial do Município de 20 de outubro deste ano.
O prazo de validade deste Concurso Público será de dois anos, a contar da data da publicação de sua homologação, podendo ser prorrogado por igual período, segundo a legislação vigente, a critério da Câmara Municipal. O Ensino Fundamental Completo é requisito para os cargos de copeira. Ensino Médio Completo é solicitado para Auxiliar Administrativo, Oficial de Manutenção e Recepcionista.
Técnico
Para o cargo de Operador de Som e Imagem, o Ensino Médio Completo pode ser substituído por curso técnico de Eletrônica. Para Técnico em Informática, é necessário o Ensino Médio Completo e curso técnico em Informática, Processamento de Dados ou Tecnologia da Informação. Para a vaga de Técnico em Contabilidade, é preciso curso técnico em contabilidade com Registro no Conselho Regional de Contabilidade (CRC).
Ensino Superior Completo é solicitado para Agente Administrativo e também para Analista de Sistemas, na área de Informática, tais como Análise de Sistemas, Processamento de Dados ou Engenharia da Computação ou Tecnologia da Informação. Para a vaga de Controlador Interno, é preciso Ensino Superior Completo em Ciências Contábeis ou Economia ou Administração de Empresas ou Direito.
Para os cargos de Jornalista, é necessário Ensino Superior Completo em Jornalismo e comprovação de desempenho e atividade de jornalista por dois anos. Por fim, o cargo de Procurador Jurídico solicita Ensino Superior Completo (bacharelado em Direito) com registro na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e comprovação de haver exercido por três anos, no mínimo, atividade jurídica.

5% das vagas serão inclusivas

No total de vagas estão incluídas a reserva de 5% das colocadas em concurso, por cargo, para candidatos com deficiência, em atendimento a Lei Complementar Estadual, além de outros 20%, também por cargo, para candidatos que se autodeclararem negros, em atendimento ao disposto no artigo 18, da Lei Complementar 38/2017 (que determinou a aplicação da Lei Federal 12.990/2014), ou seja, sempre que o número de vagas oferecidas for igual ou superior a três.
A inscrição será efetivada com o preenchimento da ficha de inscrição e seu respectivo pagamento, e somente poderá ser realizada pela internet, no site da Fundação Vunesp (www.vunesp.com. br), na página deste Concurso, no período das 10 horas de 18 de dezembro de 2017 às 23h59 de 31 de janeiro de 2018.
Para o cargo com exigência de Ensino Fundamental Completo, a taxa de inscrição é de R$ 29,50. Para os cargos com exigência de Ensino Médio e/ ou técnico completo, o valor é de R$ 39,50. Por fim, para os cargos com exigência de Ensino Superior Completo, a taxa é de R$ 79,50.
Eliminatório
A prova objetiva para todos os cargos, de caráter eliminatório e classificatório, será composta com questões objetivas de múltipla escolha, com cinco alternativas cada, sendo que os conteúdos programáticos variam de acordo com o cargo desejado, e será realizada em Indaiatuba, em data a ser divulgada oportunamente por meio de Edital de Convocação, publicada na Imprensa Oficial do Município e disponibilizada no site da Fundação Vunesp. O mesmo acontece para as provas práticas, exigência para alguns cargos do concurso.
A duração da prova será de três horas para os cargos de Copeira, Auxiliar Administrativo, Oficial de Manutenção, Operador de Som e Imagem, Recepcionista, Técnico em Contabilidade e Técnico em Informática, e de três horas e 30 minutos para Agente Administrativo, Analista de Sistema, Controlador Interno, Jornalista e Procurador Jurídico.
Em sua justificativa, a Mesa da Câmara especifica que o projeto de Lei Complementar atende as recomendações do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo: redução drástica dos cargos em comissão; critérios objetivos para a concessão de gratificações, reduzindo drasticamente ao patamar de 30%; e a necessidade de criação de cargos de provimento efetivo para a devida continuidade dos trabalhos, hoje ocupados por comissionados, bem como atender ao objeto da Ação Civil Pública determinando a fixação de percentual de cargos de provimento em comissão para serem ocupados por funcionários efetivos da Câmara.

VAGAS DISPONÍVEIS

Cargo Vagas Remuneração
Copeira 2 R$ 1.564,32
Auxiliar Administrativo 3 (uma para negros) R$ 3.154,71
Oficial de Manutenção 2 R$ 2.485,24
Operador de Som e Imagem 1 R$ 3.154,71
Recepcionista 2 R$ 2.447,87
Técnico em Contabilidade 4 (uma para negros) R$ 5.257,85
Técnico em Informática 2 R$ 3.154,71
Agente Administrativo 6 (uma para deficiente físico e uma para negros) R$ 5.257,85
Analista de Sistemas 2 R$ 5.530,88
Controlador Interno 1 R$ 8.395,08
Jornalista 2 R$ 5.257,85
PROCURADOR JURÍDICO 4 (UMA PARA NEGROS) R$ 6.431,62
(Fonte: Tribuna de Indaiá)

You might also be interested by

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *